El Angel (2018)


Baseado em fatos reais. Segue a mania de romancear e embelezar a vida de bandidos. Neste caso um psicopata. Não se deve buscar nos aspectos econômicos, políticos, sexuais ou sociais explicação para comportamentos resultantes de doença mental, esta já explica tudo.

O choro do protagonista ao aproximar-se do final do filme não condiz com seu comportamento e é forma de angariar simpatia para o assassino. A polícia é mostrada como cruel e torturadora, e o aparatoo policial no final é ridículo, não condizendo com os cuidados da produção - mais uma tentativa de trazer a audiência para o lado do assassino.

Filme Nota 2 (escala de 1 a 5)

©2019 by Cultura Animi