top of page

The Pope’s Exorcist (2023) & The Devil and Father Amorth (2017)



The Pope’s Exorcist é uma grande perda de oportunidade de realizar um belo filme sobre um importante tema (manifestação do Mal e doenças espirituais) e uma relevante figura histórica (Gabriele Amorth). Ao invés de um tratamento sério, calcado em algum dos inúmeros episódios reais operados por Amorth, preferiram algo espetaculoso, tolo e repleto de inverdades históricas. Poderiam ao menos ter explorado melhor a infestação do Mal dentro da Igreja que redundou no maléfico papa argentino.


O documentário The Devil & Father Amorth, dirigido por um William Friedkin (realizador de The Exorcist (1973)) já para lá do fim da sua carreira, infelizmente também não faz justiça ao tema e personalidade. O melhor mesmo é ler os livros do padre me questão.


O padre Gabriele Amorth escreveu mais de trinta livros, seguem alguns dos títulos disponíveis em português: Um Exorcista Conta-nos (1990), Exorcistas e Psiquiatras (1996), Memórias de Um Exorcista (2010), Vade Retro, Satanás! (2013), O Exorcista Explica o Mal e Suas Armadilhas (2015).


Vade retro Satana! Nunquam suade mihi vana! Sunt mala quae libas. Ipse venena bibas!


The Pope’s Exorcist: Nota do Filme 1 (escala de 1 a 5)


The Devil & Father Amorth: Nota do Filme 2 (escala de 1 a 5)

Comments


bottom of page