O Nariz de Nikolai Gógol

Personagens Principais Platon Kovaliov – 37 anos, assessor de colegiado Ivan Yákovlievitch – barbeiro


Personagens Secundárias Prascóvia Óssipovna – esposa de Ivan Alieksandra Podtótchina – mulher de oficial superior, quer casar a filha com Kovaliov

Yes – let us have a picture of Gogol’s nose. Not his face and shoulders, etc. but only his nose. A big solitary sharp nose – neatly outlined in ink like the enlarged figure of some important part of a curious zoological specimen.” – Vladimir Nabokov (1899-1977) discutindo com seu editor a capa de livro sobre Gógol

Interpretação Contrariando a geometria, onde o todo é a soma das partes, Gógol, mestre do humor grotesco,demonstra que em uma sociedade de aparências, ou na lógica da vida, a parte pode ser maior que o todo.


Desde a Tabela de Patentes decretada por Pedro, o Grande, uma nova porção da população habilitou-se a mover-se socialmente através do próprio suor. A sociedade russa tornou-se obcecada pelo status social, mais do que nunca as pessoas precisavam aparentar o seu melhor, priorizando a aparência.


Daí o desespero de Kovaliov, vaidoso e ambicioso assessor de colegiado (oitava classe da Tabela de Patentes), ao depara-se sem o seu nariz. Em clima onírico (ou pesadelo) o herói sai em busca do caro apêndice (já como um duplo da personagem) e o encontra realizando seus próprios sonhos de promoção a uma patente mas elevada – a perseguição ao nariz é o encalço a posição social naquele mundo de quimera.



Notas

  • Nikolai Gógol (1809-1852) nasceu na Ucrânia, numa região onde se falava russo e ucraniano.

  • Nabokov considerava Gógol mais poeta que filósofo. Dizia para não procurar sentido em sua obra mas sim deleitar-se com a beleza de sua forma.

  • Otto Maria Carpeaux considera Gógol o pai da “literatura de acusação” e um dos maiores humoristas da literatura universal.

  • Gógol pinta sua Petersburgo como o inferno da burocracia e o paraíso dos charlatões e vigaristas – um mundo irreal.

  • O Nariz foi publicado em 1836. Outros contos destacados são: Diário de Um Louco, O Capote, Avenida Niévski e O Retrato.

  • A Tabela de Patentes (Tabel’ o rangakh) foi decretada em 24/01/1722, estabelecendo catorze classes hierárquicas para os serviços militar, público e na corte.