Bel-Ami de Guy de Maupassant


Personagens Principais Georges Duroy (du Roy) – ex-soldado, alpinista social Madeleine Forestier – viúva de um amigo de Georges, casa-se com ele Clotilde de Marelle – amante de Charles Virgine Walter – esposa do chefe de George, torna-se sua amante Susanne Walter – filha de Virgine, casa-se com George Personagens Secundárias Charles Forestier – amigo de Georges no exército, o ajuda em Paris Monsieur Walter – dono do jornal La Vie Française, chefe de George Monsieur Laroche-Mathieu – político e amante de Madeleine Conde de Vaudrec – velho amigo de Madeleine Laurine de Marelle – filha de Clotilde que dá-lhe o apodo de bel-ami Nobert de Varenne – poeta da equipe do La Vie Française Jacques Rival – jornalista do La Vie Française

Interpretação Maupassant reflete o vazio de uma vida voltada aos prazeres. As personagens buscam satisfazer seus desejos materiais e apetites sexuais. Sentimentos mais elevados são ausentes, ou malfadados ao desapontamento. Não é por menos que a morte é retratada com tamanho horror (Nobert e Charles) e a religião tratada com desdém (passagem de sedução na igreja).


George Duroy demonstra ódio por quem aparenta possuir mais do que ele. Todos seus atos levam em conta apenas a satisfação de seus desejos, independentemente do como possa afetar os demais.

Paralelemente, dois pontos chamam atenção no romance:

  • Assim como em Ilusões Perdidas de Balzac, o jornalismo é cruamente retratado, sendo a busca da verdade a última de suas preocupações.

  • O papel social da mulher ao final do século XIX parece mais contundente que atualmente.



Notas

  • Henry-René-Albert-Guy de Maupassant (1850-1893) era francês.

  • Famoso principalmente por seus contos com bruscas reviravoltas no final, destacando-se: Bola de Sebo, A Pensão Tellier, O Horla, Monsieur Parent, Miss Harrriet, Um Paseio no Campo, Sobre as Águas, e Em Família.

  • Também escreveu romances. Destacam-se Bel-Ami (1885) e Pierre et Jean (1888).

©2019 by Cultura Animi