A Dama e o Cachorrinho de Anton Tchekhov



Personagens Principais Dmítri Dmítritch Gurov – casado, 40 anos Ana Sierguéievna – casada, 20 poucos anos Personagens Secundárias Von Dideritz – marido de Ana


Interpretação A existência de Gurov é abalada depois do envolvimento com Ana. Sua vida moscovita torna-se sem sentido e ele anseia por estar com a amante. Por que Gurov se enamora justamente de Ana entre tantas amantes em sua vida? Ana o eleva acima de conceito que Gurov tem por si mesmo. O amor o transforma, tornando-o mais compassivo e afetando sua percepção do mundo.


Ambas personagens sofrem do imobilismo característico de Tchekhov. Ambos prisioneiros de matrimônios infelizes. As indagações de “como?” sugerem a inação em romper a monotonia de suas vidas.


Tchekhov demonstra compaixão por suas personagens centrais, evitando um julgamento moral.

Notas

  • Anton Tchekhov (1860-1904) nasceu na Rússia.

  • É o principal dramaturgo russo e mestra na arte de escrever contos.

  • Representante do movimento realista fala da vida ordinária e dá ênfase ao indivíduo em detrimento da ação.

  • Dramaturgo da inação, do ser humano de vida monótona da qual não consegue sair.

  • A Dama e o Cachorrinho é publicado em 1898.

  • Outras obras destacadas: as peças Tio Vânia (1897), A Gaivota (1896), As Três Irmãs (1901) e Jardim das Cerejeiras (1904), e os contos Uma História Enfadonha (1889), Queridinha (1898) e O Predileto (1898).

©2019 by Cultura Animi